Primeiro Contato – Sankarea

Dê uma nota para o primeiro episódio: 
2 votes, average: 4.50 out of 52 votes, average: 4.50 out of 52 votes, average: 4.50 out of 52 votes, average: 4.50 out of 52 votes, average: 4.50 out of 5 (2 nota(s), média: 4.50 de 5)
Você precisa estar logado no site para dar uma nota.
Loading ... Loading ...
5 (Ótimo)
Primeiro Contato – Sankarea

Bom pessoal hoje é um dia especial, sabem por quê? Porque hoje nasce uma nova seção no Top10animes! Dêem as boas-vindas para a “Primeiro Contato”, uma seção semelhante ao que vocês devem conhecer como “Primeiras Impressões” em blogs como Gyabbo! e Chuva de Nanquim. Para os que ainda não conhecem, nessa seção nós iremos fazer análises e comentários sobre o primeiro episódio das séries que estejam estreando recentemente e daremos os nossos palpites sobre a série, se terá sucesso ou não, se vale a pena acompanhar ou não. Lembrem-se, nós daremos os nossos palpites, o que não quer dizer que algum de nós seja especialista no assunto, é importante que vocês tenham suas próprias opiniões.  O motivo de nós termos adotado o nome “Primeiro Contato” é simples, sempre tem aquele pessoal que gosta de criticar tudo que vê, os famosos “haters”, e não demoraria muito para alguém chegar dizendo: “Vocês copiaram o ChuNan!” ou “Vocês estão plagiando outros blogs.” Então, para evitar esse tipo de conflito indesejável nós adotamos um nome diferente.

Bom, agora que as apresentações já foram feitas, vamos à primeira matéria da “Primeiro Contato”.

A matéria de hoje é sobre um anime que chegou até nós nessa sexta-feira, trazendo uma temática bem popular nos dias de hoje: Zumbis. A adaptação animada do mangá “Sankarea” de Mitsuru Hattori está sendo produzida pelo Studio DEEN e dirigida por Mamoru Hatakeyama. Sankarea gira em torno da vida de Furuya Chihiro, um garoto totalmente normal, exceto pelo seu amor por zumbis e seu sonho de um dia encontrar uma linda garota zumbi (esses japoneses têm os fetiches mais estranhos). Chihiro mora num antigo templo do qual sua família cuida há anos, sua família é constituída por seu avô Jogorou (até agora meu personagem preferido), seu pai e sacerdote chefe do templo, Douon, sua irmã caçula Mero e o gato Babu.

Certo dia Babu é atropelado e Chihiro, extremamente triste com a perda de seu animalzinho de estimação resolve tentar reviver o bichano, se valendo de um antigo livro que ele acreditava ter a “receita” para uma magia de ressurreição. Chihiro então segue para uma pista de boliche abandonada para poder fazer seu ritual em paz, mas logo é interrompido pelo barulho de uma garota que aparece por ali para desabafar gritando suas frustrações para um velho poço. Essa linda garota de cabelos negros é ninguém menos que Sanka Rea, a filha do diretor da escola Sanka, uma escola só para meninas que fica ao lado da escola de Chihiro – uma escola exclusivamente para rapazes – sendo separadas apenas por um rio que corre entre as duas escolas. No outro dia a garota volta ao mesmo lugar para desabafar com o poço e Chihiro assiste a cena toda, sendo descoberto pouco depois por causa de um pequeno descuido. Após uma conversa Chihiro conta todo o seu plano à garota que, muito entusiasmada com a coisa toda, resolve ajudar. Ele então dá uma de psicopata pra cima da menina, pedindo para que ela seja sua cobaia e morra para renascer como um zumbi, o que deveria ser uma brincadeira, até que ela aceita.

Sankarea tem um enredo interessante e inovador, afinal quem teria imaginado um slice of life com zumbis? O design dos personagens, feito por Kyuuta Sakai, é ótimo – principalmente nas personagens femininas – e a arte dos cenários é linda de se ver. Não tenho nada a reclamar do trabalho de animação, apesar de eu particularmente odiar o uso de CG em animes – na cena em que Chihiro coloca gelo num balde para acomodar o finado Babu – não foi algo que interferisse na qualidade do anime. Os personagens são muito bem estruturados e carismáticos, dá pra sentir a tristeza de Chihiro ao encontrar Babu morto e a sua inconformação com a morte, ao mesmo tempo que é possível entender o amor  que o garoto sente pelo seu animal de estimação (talvez esteja aí a explicação para o ele se parecer tanto com um gato), é fácil rir do avô do garoto por ser um personagem meio bobo (motivo de eu ter gostado tanto dele) e a personalidade da garota Rea é extremamente cativante. A soundtrack do anime é muito boa, aquele violãozinho no fundo da cena em que acontece a conversa entre Chihiro e Rea no final do episódio caiu muito bem. A dublagem é excelente, principalmente a da Rea. A abertura tem uma música alegrinha e o encerramento, em especial, tem uma animação muito bonita, acompanhada de uma música mais calma.

Curiosidade: O anime faz homenagem ao filme “Shaun of the Dead” (Todo mundo quase morto) numa cena do início do episódio em que Chihiro aparece vestindo uma camisa branca com uma gravata vermelha – mesma roupa usada pelo protagonista do filme - e segurando um bastão.

Eu particularmente gostei muito de Sankarea, era tudo que eu esperava e um pouco mais, vale muito à pena acompanhar pra ver no que vai dar essa história toda de zumbis, gatos e poços. Então pessoal, o que acharam? Quem já viu sinta-se livre pra deixar sua opinião nos comentários. E quem não viu pode ver que é coisa boa!

Gostou do texto? Curta nossa Fanpage!

7 Comments

  1. Noah Viana says:

    Anime esta sendo muito bem feito, a historia esta sendo interessante, pelo meu ponto de vista não estará competindo com Fate Zero e Accel World para o melhor anime da temporada, mais anime já conquistou telespectador acidou.

    Boa sorte com a seção ” Primeiro Contato”, o que importa é o conteúdo.

    Reply
  2. -W- says:

    Exatamento, o quer importa é conteúdo, ainda nao assistir mas pretendo assistir quando completa temporada toda, nao gosto de fica assistindo anime e esperando o lançamento toda semana, gosto de assistir tudo de uma vez.

    Reply
  3. th.apc16 says:

    eu vou só copia o meu comentário no Nahel

    “eu como um fã do mangá, acho que ele vai ser até que mediano para bom,a história é interessante, a ideia é interessante pois essa visão de zombie que o autor nos mostra é muito diferente dos zombies de resident evil e HOTD por exemplo.
    e essas diferenças são muito plausiveis como a rigidez cadavérica, ela não se regenera, e a fome como instinto,
    tudo é muito interessante principalmente o processo de transformação de humana para a “fase completa do zombie”,
    mas o que ta me deixando com medo, é dar a um diretor novato um mangá com:
    _uma ordem cronológia lenta no mangá dois volume equivale a uma semana mais ou menos; o que quer diser vários minutos de conversação inúteis pra passar o tempo
    _a história está em aberto (muito aberto por sinal) o que me leva a crer em adaptações irritantes no final
    _o diretor já mostro nesse primero episódio um certo gosto por adaptações, até que aquela primera parte do episódio que não tem no mangá foi de um jeito interessante, mas me deixo com uma pulga atras da orelha.
    resumindo eu gosto do mangá, muito até, mas to com medo dessa adaptação pra anime, que como de costume pode ser mal adaptada”

    depois de ver o que voceis escreveram sim, os personagens são muito carismáticos principalmente o triangulo amoroso de Rea, Wanko e Chiriro
    é obvio que a carga sobrenatural não eh tão grande como em Tasogare, mas as cenas tradicionais de Zombiemania são bem bonitas, principalmente agora nesse ultimo capitulo lançado do mangá
    sim, é uma comédia romantica bem agradavel por sinal, com pitada de sangue (muito sangue) de ves em quando
    quanto as adaptações, o diretor inrolo pra caramba nesse primeiro episódio
    pra terem uma ideia a primeira parte do episódio eh pura adaptação que num tem no mangá, aquela conversação na segunda parte eh só dois capitulos, por isso meu medo dessas conversas fora a lá Another
    e pra termina
    LEIAM O MANGÁ, A ARTE EH MAIS BONITA, O CLIMA PESADO TMB EH MELHOR TRANSMITIDO PRO LEITOR, não desmerecendo a adaptação, fico boa por sinal, to loco pra ve como ele dara continuidade a isso

    Reply
  4. cheffercs says:

    Para mim foi uma surpresa esse anime não esperava muita coisa, mais no fim gostei e é um dos que vou continuar assistindo nessa temporada.Até agora no mylistanime apenas esse anime, vamos ver pela frente .

    boa sorte para primeiro contato

    Reply
  5. Jitsugetsu says:

    essa coisa de aceitar ser cobaia do nada eu não gostei, talvez se eles já fossem intimos e tal, seria mais plausivel.

    Reply
  6. rodolfo says:

    Não gostei do anime, a historia e sobre zumbi que e um assunto batido, o autor poderia trabalhar com outro estilo de zumbi.

    Reply
  7. Kei-Chan says:

    (=^.^=) Pensei q era so eu q sabia desse Anime, mais pelo jeito nao…

    Reply

Leave a Comment

2011-2019 .::. Top10animes. Política de Privacidade | DMCA (English).
 "Um filme só é bom quando, este, depois de 20 ou 30 anos ainda mexe com as pessoas que o assistem" - Hayao Miyazaki